Fechar



Painel

Observatrios

Argumentrio do Projecto CS&SC

Inscrio no frum

Palavra chave:
Nome
Apelido
E-mail

Realizou-se de 27 a 30 de Setembro um Seminrio de Mediao com os elementos que constituem o Gabinete do Esteval/Observatrio Local de Cidadania, projecto em desenvolvimento numa parceria da Cmara Municipal do Montijo e do Centro de Filosofia das Cincias da Universidade de Lisboa.

O Seminrio, cujo programa, procura reflectir sobre as actuais preocupaes sobre cidadania, culminou na realizao de uma Mesa-Redonda com alguns colectivos de cidados.

Durante o Seminrio, foram treinadas formas de mediao de conflitos, de animao e mediao de fruns de discusso e redes sociais, nas vrias reas de actuao que se pretende abordar, ligadas vida local: urbanismo, ambiente, participao cvica, cultura, educao, sade, entre outros.

Gabinete do Esteval 13/10/2010



Mesa-Redonda - "Cidadania Participativa" Print E-mail
Written by Gabinete do Esteval   
Friday, 15 October 2010 09:28

Integrado em Seminrio e no mbito do projecto desenvolvido com o Centro de Filosofia das Cincias da Universidade de Lisboa, em que a Cmara Municipal de Montijo se assume como entidade incubadora, o Observatrio do Cidado realizou no dia 30 de Setembro, na Quinta do Saldanha, uma Mesa-Redonda, sob o tema "Cidadania Participativa", visando chamar participao os cidados, reflectindo sob temas da actualidade da vida pblica, como: Urbanismo, Ambiente, Sade, Emprego e Empreendedorismo, Participao Cvica, Cultura e Tradio Cultural.

A iniciativa contou com a presena de 2 representantes de cada colectivo de cidados anteriormente entrevistados sobre os temas (Escola Profissional - Cursos Tcnico-Profissionais e Cursos EFA - Educao e Formao de Adultos), (Projecto Tu Kontas), (Universidade Snior) e (Centro de Dia dos Reformados Pensionistas e Idosos do Montijo).

Os elementos da Equipa do Gabinete do Esteval/Observatrio do Cidado iniciaram a sesso com a passagem de dois filmes que reproduziram entrevistas realizadas no Centro Cvico do Esteval e na Universidade Snior sobre cidadania. De seguida apresentaram o projecto e o trabalho j realizado at agora, bem como o desenvolvimento do Site e de um Frum de Discusso dos temas. Igualmente foram apresentadas as concluses do inqurito levado a efeito junto dos colectivos de cidados.

Introduzida a discusso todos os elementos presentes, de diversos escales etrios e classes de actividade, intervieram e participaram na discusso.

Das intervenes destacam-se algumas ideias:

- Incentivar nas escolas junto das crianas e jovens a noo de cidadania;

- A msica poder ser um meio de criao de redes sociais e de incentivo participao pblica que deve ser incentivado desde muito jovens, incluindo os diversos estilos, que so uma mostra de diversidade;

- As pessoas esto muito voltadas s para si, esquecem a cidadania, a harmonia com os vizinhos;

- Os jovens, no Esteval, quando so convidados, participam nas aces pblicas (ex. "Limpar Portugal", maratona contra o cancro da mama, etc.) e h uma resposta muito positiva;

- As aldeias de hoje so os condomnios e mesmo assim h quem no se conhea, nem cumprimente os vizinhos;

- Juntar em grupos vrias geraes muito interessante para a troca de ideias e experiencias de vida, para eliminar tabus e preconceitos ligados aos vrios grupos etrios, sobretudo porque hoje a reunio das famlias muito espordica, e os diversos grupos etrios movimentam-se de forma estanque;

- Apoio 3 idade e a doentes muito deficiente em Portugal, esta gerao e os doentes vivem muito isolados;

- Nenhuma gerao pode ser acusada sem se acusar a gerao anterior;

- A perspectiva dos jovens em relao ao futuro assustadora, mas tambm tem feito com que muitos jovens comecem a pensar em estudar mais e no abandonarem a escola to cedo;

- No h actividade pblica (colectividades, grupos), pois deixaram de existir animadores, pessoas que envolviam outros nas aces de cidadania, em diversas actividades nas colectividades, nos bairros;

- As pessoas passaram a ligar-se televiso e ao telemvel e internet. Conhecem-se sem se conhecer;

- Finalmente, h uma tnica geral sobre a noo pessoal de cidadania, o egosmo vigente na sociedade actual, a necessidade de voltarmos a olhar para o que nos rodeia, intervir pensando no que melhor para todos e no s para o indivduo isolado;

- Hoje tero de ser as instituies a dar o primeiro passo, como este, para voltar a interessar as pessoas pelo que as rodeia.

No encerramento, contmos com a presena da Professora Doutora Maria Alfreda Cruz que abordou de forma mais incisiva a problemtica da participao cvica e activa do cidado na vida poltica do pas e nas decises que so tomadas para os colectivos de cidados, propondo a continuao da realizao destas aces e anunciando, em data a designar, de um Frum sobre Cidadania, alargado a outros grupos de cidados.

Gabinete do Esteval 13/10/2010